Treinamento – SeaWorld Parks & Entertainment

swtreinamento2013Na data de ontem (24/jul/2013) o Viajando para Orlando esteve no evento de treinamento da empresa SeaWorld Parks & Entertaiment em São Paulo – SP.

As apresentações foram conduzidas por Renato Gonçalves – gerente de marketing e de vendas – que destacou inicialmente que a empresa possui 11 parques nos Estados Unidos sendo que no próximo ano, mais especificamente no dia 21 de março de 2014, estarão celebrando 50 anos de existência.

E tal comemoração irá se estender por 18 semanas. No SeaWorld San Diego será reinaugurada a entrada do parque que tornar-se-á uma grande atração. E os três SeaWorld’s (San Diego, Santo Antonio e Orlando) apresentarão muitas novidades para os seus visitantes, surpresas ao longo do dia, animais andando pelos parques e sorteios de brindes (tours especiais, almoço com a Shamu, etc).

De enorme interesse para o público do Viajando para Orlando, Renato fez um enorme resumo de tudo o que acontece nos parques de Orlando: SeaWorld Orlando, Aquatica e Discovery Cove, enfatizou os shows do parque SeaWorld destacando a comédia Clyde and Seamore Take Pirate Island, a popular montanha-russa Manta, além de discorrer sobre a possibilidade dos visitantes terem contato com os animais e alimentá-los dentre eles: golfinhos, leões-marinhos e arraias.

Quanto as novidades, ressaltou a atração Turtle Trek – inaugurada em 2012 – que trata-se de um filme projetado num teatro em 360º e que narra a estória de uma tartaruga marinha. A novíssima atração Antarctica: Empire of the Penguin –mais do que uma atração, uma nova ilha temática com restaurantes (um deles se assemelha a uma estação na Antártica) e também uma loja repleta de lembranças.

Lembrou o Renato que a principal atração de Antarctica: Empire of the Penguin afigura-se como uma “ride” que lhe conduz por uma viagem ao continente mais gelado da Terra em que você pode escolher entre as opções “sem emoção” e “com emoção”, mas que em ambas as variações não deixa de ser um passeio bastante familiar, e que, terminado o passeio você desembarca do seu veículo numa área repleta de pinguins onde a temperatura é mantida a -1ºC.

Renato também enfatizou um produto muito interessante oferecido pelo SeaWorld Orlando denominado Dine With Shamu que é uma refeição “all-you-can-eat” (coma a vontade) realizada numa área – backstage do show da Shamu – na qual você pode ser servir a vontade num buffet inclusive de bebidas (água, refrigerantes, sucos e também bebidas alcóolicas) e enquanto você se alimenta também assiste pertinho um show com a principal personagem do parque, a Shamu.

Quanto ao parque Aquatica, destacou o apresentador, que é o parque aquático mais novo de Orlando, permanece aberto o ano inteiro, a temperatura das suas águas é mantida a 23ºC e é o único parque aquático onde os visitantes também encontram alguns animais nalgumas das suas atrações como é o caso dos raros golfinhos de Commerson.

Com grande destaque foi apresentado o parque mais exclusivo da empresa, o Discovery Cove e o seu conceito diferenciado, posto que tem por principal objetivo de oferecer aos visitantes um dia inesquecível nas suas vidas interagindo com a natureza. O parque só recebe 1.300 pessoas por dia, exatamente seguindo a proposta de tratar os seus clientes como VIP’s, evitando filas, e permitindo que todos possam relaxar e curtir as suas atrações.

Importante:

Exatamente pelo fato do número de visitantes por dia no parque Discovery Cove ser limitado é importantíssimo que todos façam a sua reserva.

Dentre os benefícios oferecidos aos visitantes do Discovery Cove destacou o apresentador que já está incluído no ingresso: o estacionamento, protetor solar especial, armários (“lockers”), vestimentas, snorkel e máscara, café da manhã completo, almoço, lanche o dia todo e todas as bebidas (inclusive alcoólicas).

O parque é formado por praias cada uma com um tema diferente, recifes, um aviário, arraias, tubarão e também outra atração, paga a parte, onde os
visitantes mergulham com um escafandro denominada SeaVenture – experiência só disponível para adultos e crianças com idade igual ou superior a 10 anos.

Como bem destacou o Renato, todas as atrações do Discovery Cove não tem horário, você pode aproveitar o dia inteiro, mas a sua principal, ou seja, o nado com os golfinhos, essa sim precisa ser agendada logo quando o visitante está fazendo o seu check-in por ocasião da chegada no parque.

Para tal experiência os visitantes são separados em grupos de 07 (sete) pessoas e a experiência de interagir com os golfinhos tem duração de 30 (trinta) minutos. Após a interação, o visitante é convidado pelo treinador a nadar com o golfinho, sendo conduzido até o fundo da praia e posteriormente trazido de volta para o raso. Enquanto isso, fotógrafos tiram inúmeras fotos e também é filam a experiência para que, em querendo, possam os visitantes adquirir como recordação.

Interessante:

O golfinho aguenta nadar com uma pessoa de até 250 quilos!

O apresentador destacou ainda que o ingresso para o Discovery Cove somente pode ser adquirido com 03 (Discovery Cove, SeaWorld e Aquatica) ou 04 (Discovery Cove, SeaWorld, Aquatica e Busch Gardens Tampa) parques. Não sendo nunca vendido separadamente. Também compete ao cliente eleger se irá adquirir ou não a experiência com os golfinhos no momento que estiver adquirindo o ingresso.

Importante:

Crianças com menos de 06 (seis) anos de idade não podem participar da interação com os golfinhos. Já crianças com idade entre 06 (seis) e 12 (doze) anos de idade podem participar, mas com a presença de um responsável, que também deve adquirir a opção de nadar com os golfinhos. A partir dos 13 (treze) anos é possível participar sozinho.

Importante:

As águas do Discovery Cove também são climatizadas, todas que tem animais chegam até 23ºC, a aquelas sem animais – duas delas – até 30ºC.

Passando para o parque Busch Gardens, foi lembrado pelo apresentador que trata-se e um dos maiores parques da Flórida e que dispõe de um dos maiores zoológicos dos Estados Unidos, sendo muito popular por conta das suas montanhas-russas.

Dentre os produtos diferenciados que o parque oferece Renato falou a respeito da popular – inclusive muito comentada pelos usuários do Viajando para Orlando – excursão guiada denominada Serengeti Safari onde os visitantes são conduzidos num caminhão aberto pelos 260 mil metros quadrados da Planície do Serengeti para avistar inúmeros animais (zebras, girafas, etc) tendo inclusive a possibilidade de alimentá-los.

Quanto as novidades destacou o apresentador a montanha-russa Cheetah Hunt, que atualmente é a maior da Flórida com quase um quilômetro e meio de extensão e 03 fantásticas arrancadas que leva os visitantes de 0-100 km/h em apenas 02 segundos. A Cheetah Hunt apresenta ainda uma área para observação de guepardos.

Outra atração que foi destacada é a denominada Walkabout Way onde é possível alimentar cangurus, já para os pequenos, Renato enfatizou a existência da área da Vila Sésamo (Sesame Street Safari of Fun) destinada as crianças pequenas e que oferece muitos shows, atrações e até uma montanha-russa para os menores.

Também lembrou de outras áreas do parque Busch Gardens onde é possível observar animais (tigres, orangotangos, etc).

Inaugurada em 2012, também dispôs o apresentador sobre o espetáculo Iceploration, um fantástico show de patinação artística no gelo com 30 minutos de duração, no estilo da Broadway (figuro e cenário) e inaugurado no dia 18 de maio de 2013 foi lembrado também o show Madagascar Live! Operation: Vacation, um musical onde ao final é possível tirar fotos com os personagens.

Dentre as novidades, por certo a mais aguardada, Renato deixou para quase o final da sua apresentação sobre o parque Busch Gardens, trata-se da atração Falcon’s Fury, que será inaugurada em 2014 – provavelmente maio do próximo ano – uma torre de 102 metros de altura, equivalente a um prédio de 34 andares, onde os visitantes serão levados até o topo, tendo a oportunidade de ver todo o parque e boa parte da cidade de Tampa, sendo que, nesse exato momento, as cadeiras irão inclinar fazendo com que todos fiquem na horizontal e então virá a grande queda a 96 km/h.

Já quase finalizando a sua exposição lembrou Renato do transporte gratuito oferecido pelo Busch Gardens, o Busch Gardens Shuttle Express, assim como dos benefícios que dispõem os hóspedes dos hotéis parceiros oficiais do SeaWorld: como entrar 01 (uma) hora mais cedo no parque, o Quick Queue (fura-fila) e descontos em restaurantes e lojas dos parques.

Outro produto destacado e muito conhecido do público do Viajando para Orlando foi o pacote de refeições All Day Dining Deal que após adquirido o visitante recebe um pulseira de identificação que lhe permite comer e beber nos restaurantes participantes (aproximadamente 90% dos restaurantes). O All Day Dining Deal está disponível para os parques SeaWorld Orlando, Busch Gardens Tampa e também para o Aquatica sob a denominação Banana Beach.

Renato encerrou orientando a respeito dos tipos de ingressos e do sistema EZ-Ticket (“ingresso eletrônico”) no qual basta imprimi-lo para utilizá-lo nas catracas dos parques sem a necessidade de trocar por outro ingresso o que por certo economiza um grande tempo na fila das bilheterias. E caso você perca ou estrague o seu EZ-Ticket, basta imprimi-lo novamente.

Uma frase não irei esquecer e devo ela ao Renato é que “a Shamu é grande, é gordinha, mas ela sempre está na moda!”.